Joaquim José Teixeira Leite

A Casa da Hera pertenceu a Joaquim José Teixeira Leite (1812-1872), um dos mais importantes comissários de café da região. Por volta de 1840, a casa passou a ser propriedade dos Teixeira Leite e lá passaram a viver Joaquim José e sua esposa, Ana Esméria Pontes França. Ele foi um destacado “capitalista do café” e acumulou grande fortuna. Era filho de Francisco José Teixeira, o primeiro Barão de Itambé, e Francisca Bernardina do Sacramento Leite Ribeiro; teve como irmão o Barão de Vassouras, Francisco José Teixeira Leite. Foi bacharel em Direito e um erudito; foi presidente da Câmara de Vassouras por 11 anos e vice-presidente da província do Rio de Janeiro. Seus negócios permitiram que acumulasse grande fortuna. A forma como optou por ser retratado no quadro presente no salão comercial da casa e a variedade e amplitude de temas de sua biblioteca revelam ter sido ele um homem letrado. Ao longo de sua vida, envolveu-se com os projetos para construção da Estrada de Ferro D. Pedro II (futura Central do Brasil) e defendeu a implantação de núcleos de colonos na região de Vassouras.

Ana Esméria Teixeira Leite (1827-1871) era filha de Laureano Corrêa e Castro, Barão de Campo Belo, e Eufrásia Joaquina do Sacramento Andrade; ela, portanto, pertencia a uma das principais famílias de cafeicultores da região. Após o casamento, a residência da família se converteu em um dos principais palcos por onde transitavam homens e mulheres ilustres da época. A casa foi cenário de festas e saraus, um local onde se fazia comércio e se discutia finanças e política.

Joaquim José e Ana Esméria Teixeira Leite

Ali nasceram as duas filhas do casal, Francisca Bernardina (1845-1899) e Eufrásia Teixeira Leite (1850-1930). Elas viveram na casa até 1873, quando, após a morte dos pais, a bordo de um vapor, foram para a França e passaram a residir em Paris. Eufrásia é uma das figuras mais conhecidas da história de Vassouras. Quando vão à Casa da Hera, muitos visitantes buscam encontrar a imagem de Eufrásia. Poucos sabem, no entanto, que seu desejo ao doar a residência e seus pertences era preservar, não sua própria memória, mas a de seu pai, Joaquim José Teixeira Leite. Ao longo de sua vida, mesmo quando já não residia no Brasil, ela procurou manter o local como havia sido na época em que seus pais ali viviam, já que em diversas cartas ela afirmou que “não se mexa na casa de meus pais”. Por essa razão, o que o visitante encontra na Casa é a memória daqueles que ali habitaram no século XIX e todo o luxo que puderam desfrutar graças à prosperidade do café. No entanto, isso não significa que se deva esquecer a imagem de Eufrásia, pois foi graças a ela que esse patrimônio chegou até nós.

Eufrásia Teixeira Leite

Após a morte dos pais, ela viajou para a França, entrou para o mundo dos negócios e multiplicou sua herança, tornando-se acionista de empresas de diferentes países. Elegante, independente, inteligente e voluntariosa, Eufrásia Teixeira Leite frequentou a aristocracia francesa, ganhou admiradores e se relacionou durante alguns anos com o político pernambucano e abolicionista, Joaquim Nabuco. Francisca faleceu na França em 1899. Eufrásia só voltou a frequentar a Chácara da Hera em períodos esporádicos, já na década de 20. Em 1930, aos 80 anos, morreu em seu apartamento no Rio, sem nunca ter se casado e sem herdeiros. Suas cartas revelam um espírito inconformista que a levou a uma vida fora dos padrões de sua época.

“É demais a opinião de minha gente, que não compreende como eu não sou a mais feliz das criaturas; parece que para isso só me falta ser como todo mundo”. ETL

Veja mais:

57 Respostas to “Os Teixeira Leite”

  1. thalita Says:

    adorooo ! muito legal ‘… só pra quem gosta de culturaa

    1. Eduardo feitosa Says:

      Realmente é tudo muito lindo amei !!!!

  2. Nanny Says:

    Visitei o Museu no último fim de semana e me encantei com a estória de Eufrásia!
    Belíssima por sinal.Que privilégio conhecer uma parte tão rica de nossa memória!Parabéns aos integrantes dessa equipe por cuidar tão bem de um patrimônio que pertence ao nosso povo mas nem sempre compreendido como se deve!
    Obrigada pela recepção maravilhosa!

  3. Isaura Leite Says:

    Estou lendo o livro “mundos de Eufrásia ” editora record porisso meu interesse em pesquisar e conhecer um pouco mais da história da formação
    de São Paulo , a politica do café , a riqueza que o café trouxe . Um mergulho na nossa história
    Isaura

    1. Casa da Hera Says:

      Se precisar de algum auxílio, conte com nossa equipe, Isaura.

      Abraços,

      Cinthia Rocha
      Educadora


      1. Gostaria de ler Fragmentos de uma existencia Eufrasia Teixeira Leite,
        escrito por Catarino..

  4. Marilda Teixeira Says:

    Conheci a Chácara da Hera muito tempo antes de conhecer Eufrásia, quando o museu ainda não estava organizado como hoje.
    Aos poucos, fui me inteirando da História de Vassouras e de Eufrásia.

    Criei um elo com a cidade e com a figura tão marcante dessa mulher e todas as vezes que vou a Vassouras, visito a Chácara da Hera.
    Minha admiração por Eufrásia me levou a querer conhecer também a casa que ela habitou em Paris, na Rue Bassano, coisa que consegui realizar em 2010.

    A partir de agora, pretendo acompanhar as atividades desenvolvidas aí no museu e, quem sabe, participar de algumas (pois, não morando em Vassouras, fica difícil participar de todas).

    Espero ardentemente que essa Casa tenha, cada vez mais, a atenção que merece do Ibram e das instituições ligadas à Cultura e à História desse país, História essa nem sempre conhecida e por isso mesmo, nem sempre valorizada.
    Um abraço a toda a equipe da Chácara da Hera.

    1. Casa da Hera Says:

      Obrigada, Marilda! Esperamos vê-la muitas vezes aqui na Casa da Hera!

      Abraços,

      Cinthia Rocha
      Educadora

  5. Kika Says:

    Me encanto com cada pedacinho da história do Brasil que descubro em minhas pesquisas, sou uma recifense apaixonada pela história do Brasil em especial do meu estado, foi assim lendo sobre engenhos que através da figura ilustre de Joaquim Nabuco que cheguei a dona Eufrásia Teixeira, e que mulher impressionante e forte, fui tomada por uma admiração quase que imediata. Que bom contar com esse legado de força, beleza e respeito. Espero que em breve possa conhecer esse pedaço de nossa história. Parabéns a todos!

  6. William Tait Says:

    Acredito que haja um erro no texto na seguinte parte:
    ”Por volta de 1840, a casa passou a ser propriedade dos Teixeira Leite e lá passaram a viver Joaquim José e sua esposa, Ana Esméria Pontes França.”
    Na verdade, era Ana Esméria Teixeira Leite.
    Ana Esméria Pontes França era casada com Christovao Rodrigues de Andrade, pais de Hilario Joaquim de Andrade (Barão de Piabanha)

    1. Casa da Hera Says:

      Olá, William.

      Segundo sua certidão de casamento, o sobrenome de solteira de Ana Esméria era Pontes França. Ela passou a ser Teixeira Leite após o casamento. Acreditamos que o nome tenha sido uma homenagem à outra Ana Esméria Pontes França, também de sua família.

      Grata pelo comentário. Qualquer dúvida, estamos à disposição.

      Atenciosamente,

      Cinthia Rocha
      Educadora

  7. Marcílio Teixeira de Mello Says:

    Segundo a história, Joaquim José Teixeira Leite não tem descendentes, já que Francisca Bernardina e Eufrasia não tiveram filhos. Contudo, Joaquim José teve um filho fora do casamento (Ramiro Teixeira de Mello), nascido em Juiz de Fora, onde vivia sua mãe, e este deixou inúmeros descendentes porque foi pai de nove filhos, tendo sido reconhecido e registrado por seu pai, Joaquim José, Pergunto: nos arquivos do museu não há nenhum registro deste fato ?,

    1. Casa da Hera Says:

      Prezado Marcílio,

      Não temos qualquer informação a esse respeito nos arquivos do Museu Casa da Hera. Gostaríamos de saber mais sobre o assunto. Haveria uma bibliografia ou alguma documentação sobre isso?

      Atenciosamente,

      Cinthia Rocha
      Educadora

  8. Fernanda Teixeira Leite Says:

    Olá, gostaria de saber sobre o brasão da família! Não encontrei nada sobre o assunto. Obrigada.

    1. Casa da Hera Says:

      Bom dia, Fernanda.

      Não temos nenhuma documentação no Museu Casa da Hera que contenha o brasão da família.

      Qualquer dúvida, estamos à disposição.

      Atenciosamente,

      Cinthia Rocha
      Educadora

  9. Fernanda Teixeira Leite Says:

    Obrigada. Não há documentação nem mesmo sobre o brasão do Barão em si?

    1. Casa da Hera Says:

      O antigo dono da Casa da Hera era o comissário de café Dr. Joaquim José Teixeira Leite, que não adquiriu o título de Barão. Entre os irmãos Teixeira Leite, somente Francisco José Teixeira Leite possuiu o título, sendo chamado de Barão de Vassouras. Vamos verificar a existência de alguma documentação dele no Museu. Solicito, por gentileza, que senhora envie essa solicitação para o email casadahera@museus.gov.br, para que possamos contatá-la diretamente.

      Atenciosamente,

      Cinthia Rocha
      Educadora

  10. reginaldo Says:

    ler sobre Eufrásia e Nabuco, é conhecer um pouco do Brasil Império.
    D Pedro não foi politico a altura que o Brasil precisava

  11. reginaldo Says:

    quero ler o livro Eufrasia Teixeira Leite, fragmentos de uma existencia
    1850-1930 editor Catharino…se alguem tiver p favor me avise

  12. Rubens S. Teixeira Leite Says:

    Gostaria de saber sobre o Brasão da Família, Teixeira Leite

  13. Jaqueline Zanella Monteiro e Silva Says:

    Amei conhecer a Casa da Hera e sua história, no último dia 03 de agosto, principalmente sobre a Eufrásia. Fiquei maravilhada de saber que ela, uma brasileira, foi a primeira mulher a frequentar a bolsa de valores da França e por isso é muito conhecida lá. Pelo legado histórico que nos deixou, mostra o esmero da educação que recebeu de seus pais, portanto, toda a família Teixeira Leite merece o nosso respeito. Parabéns a todos os que colaboram para a manutenção desse legado.


  14. Eu e minha esposa fomos a Vassouras ums 5 vezes, só por causa
    da estoria e Eufrasia , PORQUE A REDE GLOBO NÃO FAZ UMA
    MINI-SÉRIE SOBRE EUFRASIA TEIXEIA LEITE, SE ALGUEM QUISER
    LER CARTAS QUE ELA MANDAOU PARA JOAQUIM NABUCO
    ME PEÇA QUE MANDO.

    1. Leni Marques Says:

      Olá Reginaldo, fui a vassouras neste final de semana para a realização de trabalho de campo de Geografia, estou no 8º período, e acabei por visitar a casa de Hera, fiquei simplesmente fascinada pela história dela, tando é que cheguei ontem de viagem e hoje já fui pesquisar sobre a vida de Eufrásia, eu gostaria de ler estas cartas, se puder me mandar agradeço. Meu e-mail é: leni_marques1@hotmail.com

      1. Silvana Nunes Says:

        Boa noite Reginaldo ,

        Estou lendo o Livro Nabuco e Eufrásia, no qual autora transcreve inúmeras cartas. Por favor , gostaria muito de ler as cartas que estão em sua posse. Meu email é silvananunes.historia@gmail.com

      2. reginaldo manoel Says:

        Vou mandar para seu email..ok

        Date: Thu, 8 Aug 2013 16:59:37 +0000 To: rnm.1991@hotmail.com


    2. Oi Reginaldo…
      Sou vassourense , artista plastica e aqui resido.
      Gostaria muito de receber as cartas que voce oferece.
      meu e-mal : mariliafreitas55@gmail.com
      Obrigada,
      Marília

  15. Marília Teixeira de Mello Riani Says:

    Sou Marília Teixeira de Mello Riane, estou pesquisando e escrevendo um livro sobre o surgimento desta familia. TEIXEIRA DE MELLO.Somos bisnetos de Joaquim José Teixeira Leite, no entanto sobrinhos netos de Eufrasia Teixeira leite e sobrinhos bisnetos de Francisco José teixeira Leite Tenho cinco irmãos homens que perpetuam esta história. Em breve o livro será lançado em grande estilo.

    1. Casa da Hera Says:

      Prezada Marília,

      Parabéns pela pesquisa e pelo livro. Temos muito interesse nessa história e gostaríamos de ter acesso à publicação quando do lançamento, se possível, uma vez que não temos qualquer dado sobre essa questão no Museu.

      Atenciosamente,

      Cinthia Rocha
      Educadora


  16. Por favor, informe data e hora sobre esse evento, porque ai estaremos
    Grato

  17. marilia teixeira de mello riani Says:

    O livro está quase pronto devendo ser lançado em dezembro, caso seja de interesse de vcs envie-me uma maneira de entrar em contato que não seja por aqui. Podendo ser através do face e de meu email mmelloriani@gmail.com. obrigada, um bom dia a todos Marilia


    1. Ola Marilia…
      Mandei um e-mail para voce. Voltou para mim….!!!!
      Acho que voce vai gostar do que lhe conto…
      Se quiser ,escreva para mim: mariliafreitas55@gmail.com.
      Um abraço,
      Marilia

  18. marilia teixeira de mello riani Says:

    Cinthia, estou necessitando de foto de Eufrasia e de Joaquim José., seria possivel conseguir estas foto para mim, agradecida Marilia

    1. Casa da Hera Says:

      Bom dia, Marilia.

      Por gentileza, envie um email para casadahera@museus.gov.br com a sua solicitação. Responderemos informando os procedimentos necessários.

      Atenciosamente,

      Cinthia Rocha
      Educadora

  19. REGINALDO N MANELO Says:

    Gostamos de ler tudo sobre Eufrasia e Joaquim Nabuco,
    FomoS ao lançamento do livro EUFRASIA E NABUCO

  20. REGINALDO N MANOEL Says:

    Me avisem sobre o lançamento do novo livro sobre os TEIXEIRA LEITE

  21. Maria beatriz Teixeira Leite Says:

    sou um peixinho na historia dos TEIXEIRA LEITE, mas tenho uma tia de 96 anos prima direta de Eufrasia ¨Cecilia Maria Teixeira Leite ¨que eu gostaria de presenteá-la neste natal com mais informações, assim como tb de tudo q se refere a cidade de Vassouras, hj minha tia esta acabando de ler um livro que retrata EUFRASIA e JOAQUIM NABUCO. gRATA A QUEM PUDER ME AJUDAR . Maria Beatriz Teixeira Leite, sobrinha neta de Cecilia Maria Teixeira Leire/ SP – SP.

    1. Mariana Ribeiro Says:

      Maria Beatriz,
      Eu pesquiso sobre a vida de Eufrasia, tenho várias informações. Qual,o sei email, ou telefone?

      1. reginaldo n manoel Says:

        Tens fotos dela ,e o livro fragmentos de uma
        existencia, sabes dele

      2. Mariana Ribeiro Says:

        Tenho sim Reginaldo, obrigada!

      3. reginaldo manoel Says:

        Boa noite,Sra Mariana a senhora tem o livro fragmentos de uma existncia de Catharino sobre Eufrsia Teixeira Leite,como posso fazer para ter esse livro ou xerox..Obrigado. Date: Wed, 28 Nov 2012 18:53:38 +0000 To: rnm.1991@hotmail.com

      4. Allan Souza Says:

        Boa noite! Sou um pesquisador sobre a história de Eufrásia e ex morador da cidade de Vassouras. Fiquei sabendo do livro escrito por Catharino “Fragmentos de uma Existência”, e fiquei bastante interessado. Por favor, se tiveres o livro ou mesmo uma cópia entre em contato comigo. Meu email é allansoc@gmail.com. Meu telefone é (21) 8284-5880. Agradecido, Allan.

      5. Casa da Hera Says:

        Bom dia, Allan.

        O livro do Catharino está disponível para os pesquisadores na Biblioteca Técnica do Museu Casa da Hera. Entre em contato conosco pelos telefones (24)2471-2930/2471-2961 para mais informações.

        Atenciosamente,

        Cinthia Rocha
        Educadora

      6. maria beatriz teixeira leite Says:

        deixo o meu e-mail e fico aguardando notícias, quero tb fazer uma retificação, minha tia agora em maio fez 98 anos;. Muito muito agradecida
        biasec2011@hotmail.com

  22. Marilia Teixeira de Mello Riani Says:

    Maria Beatriz, temos a mesma raiz. esramos escrevendo um livro sobre os Teixeira de Mello,nós somos um pedaço tb dos teixeira Leite, gostaria de contato contigo, meu email. mmelloriani@gmail.com. Abraços Marilia

    1. Angela Teixeira Leite Di Francesco Says:

      Cara Marília, sou também Teixeira Leite (acrescentei o sobrenome de meu marido Di Francesco), e, com mais quatro irmãos, todos filhos de Carlos Teixeira Leite, netos de Francisco Teixeira Leite, filho, por sua vez, de Luciano Teixeira Leite, e por aí segue …. Todos conhecemos Vassouras e acompanhamos a historia da família pelo interesse e entusiasmo que meu pai – falecido – sempre demonstrou no assunto. Deixou escrito, inclusive, a genealogia da família até nossa geração. Tenho filhos e sobrinhos que igualmente vivenciam esse laço familiar que os une. Gostaria imensamente de ter informações sobre o livro que os Teixeira de Mello estão editando, a fim de agregar seus dados aos vários outros que possuímos, além dos demais livros já mencionados sobre a vida de Eufrásia. Grata, Angela Teixeira Leite Di Francesco – E-mail:
      angelatlpdifrancesco@gmail.com

      1. Helder Teixeira Leite Says:

        Muito feliz em conhecer a história de Eufrásia Teixeira Leite.
        Sou também Teixeira Leite, somos da Chapada Diamantina – Bahia.

  23. Eliana Bittencourt Says:

    Fico super orgulhosa desta minha família ,e guardo uma relíquia enorme , a bolsa que era usada na época pelos homens , toda em couro e com as iniciais de Joaquim Teixeira Leite , ele primo de meu avô Manoel Teixeira Leite Bittencourt .

  24. JOSÉ FERNANDEZ DE MACEDO Says:

    MARÍLIA, BOA TARDE!
    NÃO SOU PARTE DA FAMÍLIA TEIXEIRA LEITE, MAS SOU INTERESSADO NA HISTÓRIA DESSA FAMÍLIA. ESTOU TENTANDO FAZER UMA HISTÓRIA EM QUADRINHOS SOBRE “EUFRÁSIA E JOAQUIM NABUCO”. DESDE O CASAMENTO DE JOAQUIM JOSÉ E ANNA ESMÉRIA ATÉ A MORTE DE EUFRÁSIA EM 1950. POR ISSO ESTOU NA FILA PARA CONSEGUIR SE POSSÍVEL UM EXEMPLAR DE SEU LIVRO. DESDE JÁ OBRIGADO.

  25. JOSÉ FERNANDEZ DE MACEDO Says:

    DESCULPE-ME O ÊRRO, EUFRÁSIA NASCEU EM 1850 E FALECEU EM 1930 AQUI NO RIO DE JANEIRO.

  26. Reginaldo do N Manoel Says:

    Sobre o livro escrito por Catharino.. Eufrásia Teixeira Leite, fragmentos de uma existência.. alguem tem xerox deste livro.!!!??????????

    1. Allan Souza Says:

      Caro Reginaldo, vejo que estás na mesma busca que a minha. Que tal juntarmos forças para encontrá-lo? Meu email é allansoc@gmail.com; quem o encontrar primeiro avisa ao outro, ok? Grande abraço, Allan.

      1. reginaldo manoel Says:

        Na casa da HERA tem esse livro vç pode por num pendrive.

    2. Casa da Hera Says:

      Bom dia, Reginaldo.

      O livro do Catharino está disponível para os pesquisadores na Biblioteca Técnica do Museu Casa da Hera. Entre em contato conosco pelos telefones (24)2471-2930/2471-2961 para mais informações.

      Atenciosamente,

      Cinthia Rocha
      Educadora

  27. andre luiz tiburcio Says:

    meu nome andré eu amo a historia desta mulher guerreira que deixou como herança para nós aprofundar na historia.

  28. andre luiz tiburcio Says:

    eu tenho a historia de barão de juparanã,vassouras e estou acabando de finalizar esta linda historia de sucesso e acabando estou indo para outra cidade também historia.eu amo esta aventura de coragem e super ação.

  29. Angela Teixeira Leite Di Francesco Says:

    Gostaria de ter notícias sobre o livro que os Teixeira de Mello estão editando, conforme informado acima. Caso já tenha sido lançado, peço que seja indicado onde encontrá-lo. Grata, Angela Texeira Leite Di Francesco.

  30. ana julia Says:

    adorei conhece esta historia muito legal ela foi uma grande mulher para o Brasil e uma pena que ela ja se foi deixo a qui minha resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s